PSOL Ceará participa do ato contra os ajustes e por direitos, liberdade e democracia

O PSOL Ceará participou, nesta quinta-feira (20/08), do ato "contra os ajustes e por direitos, liberdade e democracia", realizado pela manhã, saindo da Praça da Bandeira, indo até a reitoria da UFC, onde os manifestantes apoiaram a greve dos servidores da universidade. A manifestação foi construída junto a movimentos sociais e organizações sindicais comprometidas com as lutas do povo explorado e oprimido, como o MTST e a Intersindical, saindo da polarização direita ou governismo.

A pauta revindicada na manifestação, construída conjuntamente com uma série de entidades nacionais que compõem a Frente de Reformas Populares, denunciava o ajuste fiscal, o avanço conservador, a retirada de direitos e exigia o Fora Eduardo Cunha (PMDB) do Congresso Nacional; “estamos denunciando, a ofensiva conservadora de direita, a política de Eduardo Cunha no Congresso Nacional, o arrocho fiscal e o que significa o acordo entre a Dilma e Renan Calheiro, através da Agenda Brasil”, destacou Cecília Feitosa, durante a manifestação.

Para o vereador de Fortaleza, João Alfredo (PSOL), presente na assembleia do Sintufce, “não podemos aceitar a chantagem da extrema direita, nem a chantagem dos governistas,que querem juntar para defender um governo que traiu os interesses da classe trabalhadora”.

A manifestação contou com aproximadamente 1.500 pessoas, entre jovens, estudantes, trabalhadores de diversas categorias e trabalhadores sem teto. O PSOL apresentou sua posição para o ato em nota pública (confira clicando aqui)

 

Endereço

Ceará

Av. do Imperador, 1397,
Fortaleza, Centro 60015-052

 

Contato

Telefone 3254-5150

Presidência(85)9911-0017

Email

 

Boletim